quarta-feira, 21 de outubro de 2009

12 comentários:

Nanda Assis disse...

kkkk a nemm essa foi boa.

bjosss...

Rafael Medeiros disse...

A Pizza é o fim de todas as coias também em Bostam?

40 minutos de incursão a pé é equiparável a uma missão zerozerosseteana? Parece uma certa cidade que eu conheço...

Parabéns ao Morcegão, galgou mais um degrau na sociedade. Recebeu um valioso título direto de um comissário. Isso pode lhe abrir portas, caso a carreira de "herói" não dê certo(e dá?).

Já reparou que depois dos escândalos Sarneyanos estampamos( ainda que inconscientemente)crápulas, fascínoras & tuti quanti com o tal tufo de pêlo sob as narinas? O bigode ficou sem moral...

Quanto aos Hai-Kais,como eles advém da cultura zen-budista, o segredo entar não em TENTAR, mas num NÂO-TENTAR. Quando assumimos tal (anti)postura, eles espocam como bolhas de sabão.

Um forte abraço. Desde já obrigado pela tua paciência com as minhas crises existenciais & esquizofrênicas. Mas para quem foi criado por testemunhas de jeová ultra-fundamentalistas. Até que não me estraguei tanto. A maioria dos dos que cresceram como eu, ficou doido, alcoólatra(quase que eu caio nessa), bandido, e um até suicidou-se.

Força Sempre!

isbela disse...

Olá!
Muito obrigada pela força e os comentários!

Abraço
isbela

SaPaToS De LaTa disse...

hehehehe, uma portuguesa por favor!!!!

larissantiago disse...

olha o que a crise fez com nosso superherói!

beijo Jorginho meu amor!
(saudades) :P

Chuvinha disse...

Vou deixar meu endereço pra ele trazer pra mim...hehehe

Rafael Medeiros disse...

Me desculpe a indiscrição, mas como sei que nem sempre tens tempo para conferir as respostas aos teus comentários em blógues alheios, postarei aqui:

Concordo contigo quanto à fé e adjacências. Tais coisas só funcionam com o sacrifício da capacidade analítica, ou com um monumental"mentir-para-si-mesmo". Mas gosto de fazer poemas com tez mística. E não raro insiro neles a negação da religião cristã.

Quanto a outros misticismos, Confesso que me atraem, sobretudo xamanismo, budismo, e religiões do êxtase.

Como sabes, já andei posando de ateu convicto por aí, ou, como tu próprio já me definiste: "cristão confuso". Hoje não sou uma coisa nem outra. Exploro a dimensão onírica, os mecanismos inconscientes, e vejo Deus como o Maior Poema já Criado pela Mente Humana. Não como o vampirão cósmico que pintam os marxistas xiitas.

Para mim, Religião é mais Alta Poesia. E é nessa perspectiva que leio Bíblas & Veda & Upanishades & Corpus Hermeticum & others $ others...

Gosto muito dos seus comentários. Realmente LÊS o que escrevo, e criticas. E a crítica faz o poeta(mesmo um sub-poeta como eu) auto-pensar-se.

ABRAÇASSO!!!!!!!!!!!!

Rafael Medeiros disse...

Falou Jorjão. Segura aí meu e mail:

ramedeiros00@hotmail.com

Com certeza conversaremos. Nada mió que uma boa prosa...né não?

Beti Timm disse...

Segue a saga de sofrimento do meu herói preferido. Como vc é malvado!!

Beijinhos

Rafael Medeiros disse...

Hello Fella!!!

Gostei Mucho do teu comentário provocador no blog de Gustavo, e dei prosseguimento ao debate. Passa lá, e gasta teu verbo, all right? Oh, Shit, sou um maldito americanizado mesmo, hahahaha
E o teu Deutsch? Tá brocando hein! Quem me dera poder ler meu amado Hermann Hesse na língua original..., mas por enquanto tenho que atender às exigências do mercado, e não aos meus caprichos, hahahha, Só engrês e castelhano...

Vassago disse...

...debater para entender? ou para esclarecer?
ou para que?!!!
abraço oldman´s!

Lola disse...

MORCEGÃO ESPERTO!!! SABE MUITO BEM À QUEM AGRADAR :).

ACREDITE SE QUISER, NÃO GOSTO MUITO DE PIZZA. :)

BEIJO, JORGINHO.